quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Mariage au village

Casamento de emigrantes na aldeia

Aos 12 de agosto do ano de 2010, da era de Cristo, uniram-se pelo matrimónio, na igreja de São Bartolomeu de Travancas, os noivos David e Jennifer, residentes na região de Paris.
Le 12 Août 2010, se sont unis par le mariage, dans l'église de Saint-Barthélemy de Travancas, le couple David et Jennifer, résidents dans la région parisienne.


Segunda geração preserva a tradição de casar na terra de origem.
La deuxième génération maintient la tradition de se marier dans leur pays natal.


Valoriza e identifica-se com a cultura tradicional.
Apprécie et s'identifie à la culture traditionnelle.


Inova
Innove


O dia é de festa na aldeia.
C'est la fête au village.



Esperando a noiva...
Tandis que la mariée n´arrive pas


Já podemos entrar, esperá-la no altar!
Ça y est, elle arrive!



A rapariga dos pés calçados.
Que c'est jolie!



Princesinha
Que c'est mignonne!


Pai e mãe felizes
Papa et maman heureux!













Padre Delmino Fontoura -Em nome do Pai, do filho e do Espírito Santo, eu vos declaro marido e mulher!
Monsieur le prêtre -Au nom du Père, du Fils et du Saint-Esprit, je vous déclare mari et femme




Viva os noivos!
                       Vive les mariés!


























E como nos contos de fada...Et comme dans les contes de fées ...
Casaram, ils se sont mariés,
tiveram muitos filhos  ont eu beaucoup d'enfants
e viveram felizes para sempre! Et ils ont vécu heureux à tout jamais!



2 comentários:

Anónimo disse...

Na visita de hoje, ficámos muito surpreendido com o Post(al)!
Esse acontecimento foi bem merecedor desta apresentação.
Por nós, até merecia algum tempo de antena nas Têvês e destaque nos Jornais, principalmente nos da Região.
O desfile das Damas de Honor está um encanto, sobressaído com a natural delicadeza em porem o pé no empedrado.
Então o desfile da Noiva nessa limusine tão ORIGINAL!
ESPECTACULAR!
LINDÍSSIMO!
ENCANTADOR!
O casal de noivos bem merece uma homenagem especial. Deram ilustração a Travancas com uma cerimónia tão solene e tão lindamente abrilhantada. E mostraram com o coração aberto quanto gostam da SUA ALDEIA.
E nós gostamos mesmo de GENTE que se comporta assim!
Com histórias como esta dá mesmo prazer em ser Transmontano, Normando-Tamegano, FLAVIENSE!
PARABÉNS! PARABÉNS! PARABÉNS!

Romeiro de Alcácer

euroluso disse...

"-Romeiro, quem és tu!"
Obrigado pelo que escreveste, ó nobre cativo de Alcácer, Normando-Tamegano!